12 artigos para ler sobre a ofensiva israelense na Faixa de Gaza

Sobre o conflito

Sobre Israel

  • Daniel Byman mostra, na Foreign Affairs, que Israel não precisava ter respondido ataques na fronteira com o assassinato de Ahmed Jabari e que o ataque à Faixa de Gaza é uma aposta, que pode não dar certo.
  • No Jerusalem Post, Gilad Sharon, filho do ex-primeiro-ministro de Israel Ariel Sharon publicou um artigo assustador. Ele defende ataques aos civis palestinos. “Precisamos arrasar bairros inteiros de Gaza. Arrasar toda a Faixa de Gaza. (…) Não deve haver eletricidade em Gaza, nem gasolina ou veículos que se movem. Nada. Aí sim eles pediriam um cessar-fogo”, diz.
  • A escritora Jessica Apple relata seu drama com as ameaças a Tel Aviv e explica porque, 15 anos depois de ir morar em Israel, pensa em deixar o país. Em artigo no New York Times, ela lembra que quando chegou a Israel, a dúvida não era “se” Israel e palestinos fariam um acordo de paz, mas “quando”. Hoje o cenário mudou, não há qualquer perspectiva de paz, apenas violência e nenhuma alternativa à ela.
  • No Popsci, Clay Dillow explica como funciona o Iron Dome, o sistema financiado pelos Estados Unidos e usado por Israel para abater os foguetes lançados pelo Hamas.

Sobre o Hamas

  • Na Foreign Affairs, Barak Mendelsohn analisa o que acredita ser erros de cálculo do Hamas durante o atual conflito com Israel. Ele rejeita a tese de que seria uma tentativa de romper o bloqueio econômico imposto por Israel e diz ver dois motivos: fortalecer a posição do Hamas diante dos grupos salafistas violentos da Faixa de Gaza e a impressão de que a posição do Hamas no tabuleiro do Oriente Médio estava mais favorecida depois da Primavera Árabe.
  • Na revista The New Republic, Nathan J. Brown escreve um excelente artigo a respeito da possibilidade de o Hamas aderir a posições mais moderadas no futuro. Aqui no OMEF abordei esse ponto em maio. Brown também classifica o atual conflito como “loucura”.

Sobre a imprensa

  • O USA Today pediu um artigo de opinião sobre o conflito em Gaza para Asad Abukhalil, professor da Universidade Estadual da Califórnia. Ele escreveu o artigo dizendo que a mídia norte-americana faz eco ao que Israel pensa e ignora a posição dos palestinos a respeito do conflito. Abukhalil lembrou que, para os palestinos, a violência não começou na semana passada, mas quando Israel foi criado. O USA Today não publicou seu artigo, mas Abukhalil postou em seu blog.
  • No jornal The Independent, Robert Fisk faz duras críticas ao fato de boa parte da imprensa europeia e norte-americana ser favorável a Israel. Ele critica o uso dos clichês que são propagados pelo próprio governo israelense.
  • Na Al-Jazeera, Safa Joudeh faz uma análise de como as mídias sociais estão ajudando ativistas palestinos e grupos armados em sua “guerra de palavras e imagens”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s